Curso bíblico realizado na década de 90 por diaconisa da Irmandade Betânia marca alunos

Há pessoas que aparecem em nossas vidas e simplesmente nos marcam para sempre. Assim é a história da irmã Célia, carinhosamente conhecida por “Schwester Célia”, diaconisa da Irmandade Betânia e que transformou a história de um grupo de estudantes em 1990, durante um curso bíblico em que participou na cidade de São Bento do Sul.


Irmã Célia foi à primeira diaconisa a participar do curso com mais 21 estudantes que haviam deixado tudo para trás e decidiram dedicar um ano de suas vidas aos estudos bíblicos. O local onde hoje é a Faculdade Luterana de Teologia (FLT), funcionava na época como Centro de Ensino Teológico e abrigava os estudantes durante o período de curso em regime de internato.


A alegria pelo que fazia em seu ministério, sua humildade em compreender a juventude e sua generosidade de compartilhar sua vida, são as lembranças que a ex- aluna Roseli Rossi Avila, leva durante sua caminhada. “Foi um ano muito especial que mudou completamente as nossas vidas e direcionou os nossos passos. A irmã Célia levou muita maturidade para o nosso grupo, se tornando uma mãe para nós durante este período de curso”, relembra Roseli.


Após este período irmã Célia, retornou para Curitiba e os demais estudantes seguiram suas vidas. 30 anos depois, o mesmo grupo se reencontrou e juntos relembraram deste momento. “Lembramos dela com muito carinho e saudade, lamentamos por ela não estar mais conosco, mas felizes por ela ter cumprido sua jornada na Irmandade Betânia exercendo seu ministério de vida com zelo e muito amor”, finaliza Roseli.


Todos os alunos que participaram deste curso atualmente estão envolvidos em algum tipo de ministério na igreja ou com atividades em organizações que ajudam outras pessoas.




Destaque

Últimas Notícias