Família e escola: Uma parceria no processo de construção da aprendizagem

11/09/2018

 

Atualmente as escolas têm investido em novas tecnologias, metodologias e inovações para trabalhar na educação das crianças. No entanto, apesar de todas as mudanças, o relacionamento próximo e contínuo dos pais dos alunos e professores continua sendo um fator determinante para uma educação de qualidade.

 

A coordenadora da Educação Infantil na Escola Aldeia Betânia, Daiane Cunha, diz que o processo de aprendizagem ocorre através de diversos fatores e lugares, mas quanto maior e mais próximo for o acompanhamento dos pais com os filhos maior as chances de uma educação de qualidade. “Nós como Escola ficamos muito felizes quando o que trabalhamos em sala de aula se estende para cada lar, pois é por meio dessa troca que cada assunto se torna enriquecedor”, afirma.

 

Francine Fleith é mãe de Flora e Eduardo Fleith, ambos estudam na Escola Aldeia Betânia e tem a companhia frequente da mãe não apenas nas tarefas e trabalhos da Escola, mas também em atividades de sala aula. “As turmas sempre têm alguma atividade diferente e eu me sinto muito feliz em poder ajudar colaborando aos meus filhos e até mesmo com os professores. Certa vez, as turmas estudavam  sobre a língua dos índios guaranis e eu tinha um dicionário guarani em minha casa, levei e tanto a professora quanto a turma adorou”, conta.

 

No decorrer deste semestre Francine comprou o livro "Quebra Nozes", para que pudessem realizar a leitura em família. A coordenadora Daiane conta que não apenas ela, mas vários pais tiveram algum tipo de participação especial que contribuiu nas aulas. “Muitos ficavam sabendo através dos filhos a respeito de alguma atividade e nos ligavam perguntando em que poderiam ajudar e até nos oferecendo algum tipo de material que poderia ser útil. Nós ficamos gratos e recebemos de braços abertos as sugestões”, lembra. Para Daiane, colaborações como essa acrescentam conhecimento não apenas para os filhos, mas para toda a turma.

 

Andreia Luize Cavichiolo Cernach, mãe do aluno Davi Cavichiolo Cernach, concorda que é importante os pais acompanharem de perto as atividades dos filhos.“Neste semestre, sentamos com a professora do meu filho e construímos juntas uma ideia de um jogo. Ela adorou e aprovou. Entregamos para cada aluno da classe um kit de quebra-cabeça que compõe um dos cenários da História do Quebra-Nozes”, conta. Andreia também afirma que a professora por meio da atividade, pode trabalhar com os pequenos a coordenação motora, concentração, raciocínio lógico e outras habilidades. “Foi lindo ver a animação de nosso filho durante todo o processo de criação e o prazer de compartilhar algo coletivamente”, conclui.

 

Essas e outras contribuições como auxílio de tarefas de casa, pesquisas, leitura em família demonstram o carinho e envolvimento das famílias no processo de aprendizagem das crianças. Portanto, é importante manter a proximidade tanto da escola quanto dos pais.

 


 

Please reload

Destaque

Projeto Ação Betânia encerra as atividades de 2019 em Colombo

03/12/2019

1/10
Please reload

Últimas Notícias

Please reload

Notícias Anteriores